Adolescente é encontrado caído em banheiro de escola no Ariston e morre no hospital

2
1962

Darlan dos Santos tinha 16 anos. A causa da morte ainda está sendo investigada

Na tarde da última segunda-feira, 6/5, o estudante Darlan dos Santos foi encontrado ferido no banheiro da escola estadual Cidade Ariston Estela Azevedo, no Ariston. O garoto chegou a ser levado ao Pronto-Socorro da Vila Dirce, e depois transferido ao Hospital Geral de Carapicuíba (HGC), mas não resistiu e morreu por volta das 2 horas da manhã.

Alunos da escola estadual chegaram a ver Darlan passando mal, antes de ser levado ao hospital. De acordo com uma colega, que mora no mesmo bairro que a família do adolescente, em conversa com o CnR, o estudante teria escorregado no banheiro do colégio e batido com a cabeça no vaso sanitário. Ela ainda conta que, durante o alvoroço, o irmão do adolescente teria entrado na escola e pedido carona na rua, para socorrer o estudante.

De acordo com o HGC, Darlan deu entrada no hospital às 14h30 de segunda-feira, 6/5, após ser transferido do Pronto-Socorro da Vila Dirce. O adolescente chegou à unidade entubado, sedado e sem resposta a estímulos. Darlan chegou a ser estabilizado e passou por uma tomografia, onde foi constatada hemorragia intracraniana.

Após verificada a hemorragia, o adolescente passou por uma avaliação neurológica no Hospital das Clínicas, em São Paulo, mas, como a situação e Darlan era grave, ele foi levado de volta ao Hospital Geral de Carapicuíba. O estudante morreu na madrugada do dia 7/5, após ter  uma parada cardiorrespiratória, em consequência da hemorragia intracraniana.

A polícia ainda investiga o que teria causado a morte do adolescente.

2 COMENTÁRIOS

  1. A notícia esta totalmente equivocada. Foi prestado socorro – SAMU foi chamado
    O menino passou mal e desmaiou no banheiro e estava com os colegas, a batida da cabeça no chão foi devido a queda.
    Ele foi socorrido pelos funcionários que agora estão sendo ameaçados devido a estas notícias errôneas.

    • Olá Cristiane. Agradecemos sua participação. Caso você leia a reportagem, em nenhum momento é dito que o adolescente não foi socorrido, muito pelo contrário: já no título é informado que ele foi levado ao hospital, onde morreu. Caso tenha alguma informação incorreta, estamos à disposição para correção imediata.

Deixe uma resposta