Câmara Municipal alugará 17 carros

0
166

De acordo com publicação no Diário Oficial da cidade, veículos serão para os vereadores exercerem suas funções

A Câmara Municipal de Carapicuíba publicou no Diário Oficial da cidade, de 15/3, a abertura de cotação de preços para o aluguel de 17 carros para o órgão público. De acordo com o texto, os veículos serão utilizados pelos vereadores.

Chamada para cotação de preços foi publicada no jornal municipal/Foto: Diário Oficial de Carapicuíba de 15/3/2019

O Chamamento Público nº 01/2019 foi assinado pelo então presidente da Câmara, o vereador César Augusto José (Guto/PV). No topo do documento, há a indicação de que a medida estava no Processo Administrativo nº 769/2017 (confira na página 12 do Diário Oficial aqui).

O texto ressalta que os 17 carros irão para cada um dos vereadores, que os utilizaram para o exercício de suas funções. A exigência é de que os veículos deverão ser zero quilômetro, modelo ano 2019, motor superior a 1.0, combustível flex (gasolina e etanol), ter ar condicionado, direção hidráulica, cobertura de seguro (inclusive contra terceiros), franquia de 1mil km/mês e serem todos da mesma cor (prata, preto ou branco). As propostas estão sendo recebidas pela Comissão Permanente de Licitações do Poder Legislativo municipal, localizada no Centro.

Em uma pesquisa de mercado com duas locadoras de veículo da região, o Carapicuíba na Rede levantou que um automóvel com as caraterísticas citadas pela Câmara fica, em média, um valor de R$ 1.400 a cada mês, para modelos hatch de 1.2 a 1.6. Porém, para aluguéis de frota as empresas possuem pacotes que podem diminuir o valor total, que seria uma mensalidade de aproximadamente R$ 23.885 para os 17 carros solicitados.

Atualmente, o órgão municipal possui um veículo próprio, sendo um Chevrolet Spin, ano 2017, na cor prata (confira os detalhes no Portal da Transparência da Câmara Municipal).

Durante a semana passada, munícipes se manifestaram contra o aluguel dos automóveis e abriram um abaixo-assinado (confira aqui). Até o momento, há cerca de 200 assinaturas. A petição tem como objetivo pressionar o presidente da Câmara para que a medida seja revogada e, após o fechamento, o documento será entregue ao vereador Guto.

O Carapicuíba na Rede entrou em contato com o presidente e a assessoria de imprensa da Câmara para questionar sobre o aluguel dos carros, mas, até a publicação desta reportagem, não recebeu retorno.

Deixe uma resposta